Categorias
Girabola

Histórico de Clubes Participantes no Girabola

Confira nesta página todos os Clubes participantes no Girabola, desde a sua primeira edição, no ano de 1979.

Em cada ano, encontram-se destacados os Campeões respectivos e indicadas as alterações mais significativas ao formato da competição.

Ao longo da história, foram vários os clubes que alteraram a sua designação, pelo que tentamos mostrar o nome de cada tal como era usado no ano da competição relativa e os restantes nomes utilizados, o actual, o ou aquele pelo qual é mais referido entre parêntesis.

AnoClubesNotas
1979Grupo A:
1º de Agosto, Futebol Clube de Cabinda, Luta Sport Clube, Futebol Clube de M’banza Congo, Futebol Clube do Uíge, Ministério da Construção e Habitação do Uíge (Construtores do Uíge).

Grupo B:
Académica Clube do Lobito, Vitória Atlético Clube, Juventude do Kunje, 14 de Abril, Palancas do Huambo, Santa Rita (Grupo Desportivo Welwitschia)

Grupo C:
Clube Desportivo da Chela (Sport Nova Lisboa e Benfica / Benfica Petróleos do Lubango – Benfica do Lubango), Clube Nacional de Benguela, Desportivo Sassamba da Lunda-Sul, Diabos Negros, Makotas de Malanje, Clube Ferroviário da Huíla (Ferroviário da Huíla)

Grupo D:
Desportivo do Xangongo, Estrela Vermelha do Huambo (Mambroa SC / Sport Huambo e Benfica – Benfica do Huambo), Desportivo da TAAG (ASA), Ginásio do Cuando Cubango, Diabos Verdes (Sporting de Luanda), Club Naval de Porto Amboim
Nesta época participam 24 equipas distribuídas por 4 grupos de 6.

Cada vitória vale dois pontos e um empate vale 1 ponto.
19801º de Agosto, Futebol Clube do Uíge, Ministério da Construção e Habitação do Uíge (Clube Desportivo Construtores do Uíge / Construtores do Uíge), Grupo Desportivo Sagrada Esperança, Desportivo Sassamba da Lunda-Sul, Desportivo da TAAG (Atlético Sport Aviação – ASA), Diabos Verdes (Sporting de Luanda), Palancas do Huambo, Mambroa do Huambo (Estrela Vermelha / Benfica do Huambo), Académica Clube do Lobito (Académica do Lobito), Clube Nacional de Benguela, Clube Desportivo da Chela (Benfica Petróleos do Huambo / Benfica do Huambo), Clube Ferroviário da Huíla, Grupo Desportivo Welwitschia (Santa Rita)A partir desta época participam 14 equipas num sistema de todos contra todos a duas voltas.
19811º de Agosto, Desportivo da TAAG (ASA), Mambroa do Huambo (Benfica do Huambo), Progresso do Sambizanga (União de: Juventude Unida do Bairro Alfredo – JUBA, Juventista e Vaza), Académica do Lobito, Ministério da Construção e Habitação do Uíge (Construtores do Uíge), Petro de Luanda (Atlético Petróleos de Luanda), Nacional de Benguela, 1º de Maio de Benguela, Desportivo da Chela (Benfica do Lubango), Petro do Huambo, Futebol Clube do Uíge, Leões de Luanda, Ferroviário da Huíla
1982Petro de Luanda, 1º de Agosto, 1º de Maio de Benguela, Interclube, Mambroa do Huambo (Benfica do Huambo), Progresso do Sambizanga, Nacional de Benguela, Desportivo da TAAG, Desportivo de Benguela (Sporting de Benguela), Desportivo da Chela (Benfica do Lubango), Académica do Lobito, Inter da Huíla, Ministério da Construção e Habitação do Uíge (Construtores do Uíge), Sagrada Esperança
19831º de Maio de Benguela, 1º de Agosto, Mambroa do Huambo (Benfica do Huambo), Progresso do Sambizanga, Petro de Luanda, Interclube, Desportivo da TAAG (ASA), Desportivo de Benguela (Sporting de Benguela), Desportivo da Chela (Benfica do Lubango), Petro do Huambo, Nacional de Benguela, Académica do Lobito, Andorinhas do Sumbe, Construtores de Malanje
1984Petro de Luanda, Interclube, Petro do Huambo, 1º de Maio de Benguela, Sagrada Esperança, Mambroa do Huambo, Desportivo da Chela, 1º de Agosto, Ferroviário da Huíla, Desportivo de Benguela, Desportivo da TAAG, Nacional de Benguela, Progresso do Sambinzanga, Construtores do Uíge
19851º de Maio de Benguela, Interclube, Desportivo da Chela, Petro de Luanda, Desportivo de Benguela, Mambroa do Huambo, Ferroviário da Huíla, 1º de Agosto, Petro do Huambo, Sagrada Esperança, Desportivo da TAAG, Gaiatos de Benguela, Dínamo do Kwanza Sul, Leões do Planalto
1986Petro de Luanda, Interclube, Ferroviário da Huíla, 1º de Agosto, Sagrada Esperança, Petro do Huambo, Desportivo da TAAG, Futebol Clube de Cabinda, Mambroa do Huambo, Desportivo da Chela, 1º de Maio de Benguela, Leões de Luanda, Desportivo de Benguela, Inter da Lunda Sul
1987Petro de Luanda, 1º de Agosto, Petro do Huambo, Interclube, Ferroviário da Huíla, FC Cabinda, Sagrada Esperança, 1º de Maio de Benguela, Desportivo da TAAG, Dínamo do Kwanza Sul, Mambroa do Huambo, Progresso do Sambizanga, Desportivo da Chela, União do Bié
1988Petro de Luanda, Ferroviário da Huíla, 1º de Agosto, 1º de Maio de Benguela, FC Cabinda, Interclube, Petro do Huambo, Mambroa do Huambo, Desportivo da TAAG, Sagrada Esperança, Desportivo de Benguela, Dínamo do Kwanza Sul, Inter do Namibe, Fabril do Uíge
1989Petro de Luanda, 1º de Maio de Benguela, 1º de Agosto, Desportivo da TAAG, Desportivo da EKA, Ferroviário da Huíla, FC Cabinda, Desportivo da Cuca, Petro do Huambo, Benfica do Huambo, Interclube, Sagrada Esperança, Sporting de Benguela, Desportivo Sassamba da Lunda Sul
1990Petro de Luanda, 1º de Maio de Benguela, 1º de Agosto, Ferroviário da Huíla, Desportivo da EKA, Desportivo da Cuca, Interclube, Benfica do Huambo, FC Cabinda, Sagrada Esperança, Sporting de Benguela, Desportivo da TAAG, Petro do Huambo, Desportivo Sassamba
19911º de Agosto, Sagrada Esperança, Petro de Luanda, 1º de Maio de Benguela, Desportivo da EKA, Petro do Huambo, Nacional de Benguela, Ferroviário da Huíla, Benfica do Huambo, Interclube, FC Cabinda, Sporting de Benguela, Benfica de Cabinda, Desportivo da TAAG, Desportivo da Cuca, Desportivo SassambaA partir desta época participam no Girabola 16 equipas.
19921º de Agosto, ASA, Petro de Luanda, 1º de Maio de Benguela, Petro do Huambo, FC Cabinda, Sagrada Esperança, Desportivo da EKA, Nacional de Benguela, Benfica do Huambo, Desportivo da Nocal, Sporting de Benguela, Ferroviário da Huíla, Inter da Huíla, Interclube, Benfica de Cabinda
1993Petro de Luanda, 1º de Maio de Benguela, Desportivo da EKA, 1º de Agosto, ASA, Inter da Huíla, Sagrada Esperança, Progresso do Sambizanga, Nacional de Benguela, Desportivo da Nocal, FC Cabinda, Académica do LobitoA partir desta época participam 12 equipas.
1994Petro de Luanda, 1º de Maio de Benguela, Independente do Tômbwa, Progresso do Sambizanga, 1º de Agosto, Nacional de Benguela, ASA, Desportivo da EKA, Sonangol do Namibe (Atlético Desportivo Petróleos do Namibe), Sporting de Luanda, Sagrada Esperança, Inter da Huíla
1995Petro de Luanda, ASA, 1º de Agosto, 1º de Maio de Benguela, Desportivo da EKA, Petro do Huambo, Académica do Lobito, Independente do Tômbwa, Nacional de Benguela, Sonangol do Namibe, Sporting de Luanda, Sporting do Lubango, FC CabindaA partir desta época participam 14 equipas.

As vitórias passam a valer 3 pontos cada
.
19961º de Agosto, Petro de Luanda, Sagrada Esperança, Académica do Lobito, Saneamentos Sonangol (Benfica de Luanda), Petro do Huambo, Progresso do Sambizanga, Desportivo da EKA, ASA, Independente do Tômbwa, 1º de Maio de Benguela, Benfica do Huambo, Nacional de Benguela
1997Petro de Luanda, Sagrada Esperança, 1º de Agosto, Sonangol do Namibe, 1º de Agosto, Petro do Huambo, Saneamentos Rangol (Benfica de Luanda), Kabuscorp FC, ASA, Académica do Lobito, FC Cabinda, Progresso do Sambizanga, Independente do Tômbwa, Benfica do Huambo, 1º de Maio de Benguela
19981º de Agosto, Petro de Luanda, Saneamentos Rangol (Benfica de Luanda), ASA, Sagrada Esperança, Progresso do Sambinzanga, Sonangol do Namibe (Atlético do Namibe), Onze Bravos (Bravos do Maquis), Independente do Tômbwa, Académica do Lobito, Petro do Huambo, FC Cabinda, Sporting de Cabinda, GD Sécil Marítima, FC Chicoil (CRD Chicoil), Kabuscorp FC do Sambizanga (Kabuscorp do Palanca)A partir desta época participam 16 equipas.
19991º de Agosto, Académica do Lobito, Interclube, Petro de Luanda, Petro do Huambo, ASA, Sagrada Esperança, Saneamentos Rangol (Benfica de Luanda), FC Cabinda, Sonangol do Namibe (Atlético do Namibe), Sporting de Cabinda, Cambondo SC, Onze Bravos, Independente do Tômbwa, Progresso do Sambizanga,
2000Petro de Luanda, ASA, Petro do Huambo, Interclube, 1º de Agosto, Desportivo Sonangol (Atlético do Namibe), Académica do Lobito, Benfica de Luanda, Onze Bravos do Maquis, Sagrada Esperança, FC Cabinda, Sporting de Cabinda, ARA da Gabela, Sporting do BiéA partir desta época participam 14 equipas no Girabola.
2001Petro de Luanda, ASA, Petro do Huambo, Académica do Lobito, Interclube, Sagrada Esperança, Benfica do Lubango, 1º de Agosto, Desportivo Sonangol (Atlético do Namibe), Benfica de Luanda, FC Cabinda, Progresso do Sambizanga, Onze Bravos do Maquis, 1º de Maio de Benguela
2002ASA, 1º de Agosto, Petro de Luanda, Petro do Huambo, Académica do Lobito, Interclube, Sporting de Cabinda, Benfica de Luanda, Sagrada Esperança, Desportivo da Huíla, Sonangol do Namibe (Atlético do Namibe), FC Cabinda, Sporting do Bié, Benfica do Lubango
2003ASA, Petro de Luanda, Petro do Huambo, 1º e Agosto, Sonangol do Namibe (Atlético do Namibe), Académica do Lobito, Interclube, Progresso do Sambizanga, Sporting de Cabinda, 1º de Maio de Benguela, Sagrada Esperança, Benfica de Luanda, Desportivo da Huíla, Ritondo do Malanje (Ritondo Sport Clube)
2004ASA, Sagrada Esperança, Interclube, Petro de Luanda, Desportivo Sonangol (Atlético do Namibe), 1º de Agosto, Petro do Huambo, Estrela Clube 1º de Maio de Benguela, Sporting de Cabinda, Académica do Lobito, Progresso do Sambizanga, Académica do Soyo (Académica Petróleos do Kwanda), Benfica do Lubango, Futebol Clube Onze Bravos do Maquis do Luena
2005Sagrada Esperança, ASA, Petro de Luanda, 1º de Agosto, 1º de maio, Benfica de Luanda, Sporting de Cabinda, Atlético do Namibe, Interclube, Progresso do Sambizanga, Desportivo da Huíla, Petro do Huambo, Académica do Lobito, Sporting do Bié
20061º de Agosto, Petro de Luanda, Interclube, Benfica do Lubango, ASA, Sagrada Esperança, Desportivo da Huíla, Académica do Soyo, Benfica de Luanda, 1º de Maio, Atlético do Namibe, Bravos do Maquis, Progresso do Sambizanga, Sporting de Cabinda
2007Interclube, 1º de Agosto, Petro de Luanda, ASA, Sagrada Esperança, Petro do Huambo, Benfica do Lubango, Desportivo da Huíla, 1º de Maio, Benfica de Luanda, Santos FC de Angola, Académica do Soyo, Atlético do Namibe, Juventude do Moxico
2008Petro de Luanda, 1º de Agosto, Recreativo do Libolo, Santos FC, Benfica de Luanda, 1º de Maio, ASA, Interclube, Desportivo da Huíla, Kabuscorp SC, Bravos do MAquis, Sagrada Esperança, Petro do Huambo, Benfica do Lubango
2009Petro de Luanda, Recreativo do Libolo, Benfica de Luanda, 1º de Agosto, Académica do Soyo, Santos FC, ASA, Interclube, Recreativo da Caála, Bravos do Maquis, Desportivo da Huíla, Kabuscorp SC, 1º e Maio, Académica do Lobito
2010Interclube, Recreativo da Caála, 1º de Agosto, Petro de Luanda, Recreativo do Libolo, ASA, Bravos do Maquis, Kabuscorp do Palanca, Académica do Soyo, Benfica de Luanda, FC Cabinda, Sagrada Esperança, Santos FC, Desportivo da Huíla, Sporting de Cabinda, Benfica do Lubango A partir desta época participam 16 equipas no Girabola.
2011Recreativo do Libolo, Kabuscorp, Petro de Luanda, Recreativo da Caála, Interclube, 1º de Agosto, Sagrada Esperança, Bravos do Maquis, ASA, Académica do Soyo, Santos FC, Progresso do Sambizanga, Benfica de Luanda, FC Cabinda, 1º de Maio, Académica do Lobito
2012Recreativo do Libolo, 1º de Agosto, Petro de Luanda, Kabuscorp, Interclube, ASA, Bravos do Maquis, Progresso do Sambizanga, Atlético do Namibe, Recreativo da Caála, Sagrada Esperança, Benfica de Luanda, Santos FC, Académica do Soyo, Sporting de Cabinda, Nacional de Benguela
2013Kabuscorp, 1º de Agosto, Bravos do Maquis, Petro de Luanda, Sagrada Esperança, Desportivo da Huíla, Interclube, Recreativo do Libolo, Progresso do Sambizanga, Benfica de Luanda, Recreativo da Caála,1º de Maio, ASA, Porcelana FC, Atlético do Namibe, Santos FC
2014Recreativo do Libolo, Kabuscorp, Benfica de Luanda, 1º de Agosto, Petro de Luanda, Bravos do Maquis, Sagrada Esperança, Recreativo da Caála, Interclube, Progresso do Sambizanga, Desportivo da Huíla, ASA, Sporting de Cabinda, 1º de Maio, Benfica do Lubango, União do Uíge
2015Recreativo do Libolo, 1º de Agosto, Benfica de Luanda, Kabuscorp do Palanca, Interclube, Progresso da Lunda Sul, Desportivo da Huíla, Petro de Luanda, ASA, Sagrada Esperança, Recreativo da Caála, Progresso do Sambizanga, Académica do Lobito, Bravos do Maquis, Sporting de Cabinda, Domant FC de Bula Atumba
20161º de Agosto, Petro de Luanda, Recreativo do Libolo, Progresso da Lunda Sul, Kabuscorp do Palanca, Benfica de Luanda, Interclube, Progresso do Sambizanga, Sagrada Esperança, Desportivo da Huíla, Recreativo da Caála, Académica do Lobito, ASA, 4 de Abril do Cuando Cubango, 1º de Maio de Benguela, Porcelana FC
20171º e Agosto, Petro de Luanda, Sagrada Esperança, Kabuscorp do Palanca, Interclube, Recreativo do Libolo, Recreativo da Caála, Desportivo da Huíla, Progresso do Sambizanga, 1º de Maio de Benguela, Bravos do Maquis, Progresso da Lunda sul, Académica do Lobito, JGM do Huambo, ASA, Santa Rita de Cássia do Uíge
20181º de Agosto, Petro de Luanda, Interclube, Recreativo do Libolo, Académica do Lobito, Desportivo da Huíla, Sagrada Esperança, Bravos do Maquis, Kabuscorp, Sporting de Cabinda, Cuando Cubango FC, Recreativo da Caála, Progresso do Sambizanga, Domant FC, 1º de Maio de Benguela, JGM do Huambo (Académica SC do Huambo)
2018/191º de Agosto, Petro de Luanda, Desportivo da Huíla, Kabuscorp, Interclube, Sagrada Esperança, Progresso do Sambizanga, Recreativo do Libolo, Recreativo da Caála, Bravos do Maquis, Santa Rita de Cássia, Académica do Lobito, Sporting de Cabinda, Cuando Cubango FC, ASA, Saurimo FC (Bikuku FC)
2019/20Petro de Luanda, 1º de Agosto, Bravos do Maquis, Desportivo da Huíla, Sagrada Esperança, Académica do Lobito, Recreativo do Libolo, Interclube, Wiliete Sport Clube, Recreativo da Caála, Progresso do Sambizanga, Sporting de Cabinda, Cuando Cubango FC, Ferroviário do Huambo, Santa Rita de Cássia, 1º de Maio de BenguelaEsta época foi cancelada